Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Agricultores de Massaranduba discutem a criação de abelha sem ferrão

Notícias

Agricultores de Massaranduba discutem a criação de abelha sem ferrão

Agricultores familiares do Sítio Aningas, no município de Massaranduba, discutiram, nessa quinta-feira (6), criação de abelhas sem ferrão, também conhecida como Uruçu, usada na produção de mel. O projeto tem apoio do Governo do Estado, por meio da Empresa Estadual de Pesquisa, Extensão Rural e Regularização Fundiária (Empaer), vinculada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca.

Na palestra, foi discutida a importância da criação de abelha para o meio ambiente e agricultura familiar. O evento contou com a participação de apicultores, pesquisadores e extensionistas.    

Apicultura2 7-02.jpgA proposta de criação de abelha sem ferrão teve as parcerias da Prefeitura Municipal, Empaer e Sebrae. A partir deste município, os trabalhos coordenados pela Gerência Regional da Empaer em Campina Grande serão levados a outros municípios da região. Na ocasião, o professor Eriberto Teixeira mostrou aos participantes a importância da criação de abelha para o meio ambiente e a agricultura como um todo, além de ser fonte de renda familiar.

Na palestra, o pesquisador Eriberto Teixeira ainda mostrou sua preocupação quanto ao desmatamento e as queimadas que têm se verificado, como também a aplicação de veneno nas lavouras. Essa ação danosa tem acontecido com maior ênfase nos últimos 50 anos, o que tem contribuído para a redução da apicultura.

Apicultura 7-02.jpgFalando sobre as vantagens da criação de abelhas, principalmente a Uruçu, ele também destacou que uma única abelha visita entre 50 a 1000 flores em um apenas um dia, podendo polinizar uma árvore inteira.

“Na região, os meliponicultores são poucos, eles criam mais para o próprio consumo. Quando comercializam, eles vendem para Campina Grande a um preço de R$150,00 o litro de mel de Uruçu”, explicou o técnico agrícola Rodolffo Travasso Barbosa. Segundo esclareceu o técnico da Empaer, um enxame de abelhas na propriedade rural pode aumentar em até 20% a produtividade se tiver uma boa floração.

Além de ter 10% menos de açúcar com relação aos demais, o mel de abelha sem ferrão apresenta tipos diferentes, de acordo com cada espécie produtora. Recomenda-se que o importante é ter plantas no entorno da criação, pois os produtos que fabricam dependem da disponibilidade de flores na vizinhança.

A abelha Uruçu é uma abelha sem ferrão, nativa do Brasil, encontrada na Zona da Mata nordestina. A espécie prefere habitar locais úmidos.

Voltar para o topo
Secretaria de Estado da Comunicação Institucional